segunda-feira, 16 de maio de 2016

Os Três Leões - capacidade de superar problemas.

Conta determinada parábola que havia uma floresta e que nela habitavam, além de todos os outros animais, três leões. Certo dia, os bichos todos se reuniram e resolveram que necessitavam escolher um líder para sua comunidade. Optaram por indicar um animal forte, que fizesse com que os estranhos os respeitassem e temessem. Os indicados foram os três leões, mas, havia um problema: apenas um deles deveria ser eleito. Para resolver tal impasse, decidiram acatar a sugestão do macaco: os leões seriam submetidos a uma prova e aquele que se saísse melhor nela seria coroado como representante da bicharada. Foi escolhido o teste: os três deveriam escalar e atingir o pico da Montanha Difícil, tida como a maior e mais alta entre todas ali existentes. Na data marcada, os leões fizeram o possível para chegar ao topo da montanha, porém, nenhum deles conseguiu tal façanha. Os outros animais ficaram muito decepcionados e apreensivos porque, afinal, continuavam sem poder contar um representante legal e nem um defensor que os protegesse dos perigos da floresta. No meio do tumulto estabelecido, surgiu uma águia que, muito segura de si, disse que poderia dar a todos a resposta que tanto buscavam. Curiosos, os animais voltaram-se para ela e solicitaram qual seria sua contribuição já que esta nem havia estado presente e junto ao grupo no momento da prova. Foi aí que ela lhes afirmou que, esteve sim, bastante atenta ao desempenho dos leões durante o decorrer de toda a prova. Disse que havia permanecido sobrevoando toda a montanha enquanto estes lutavam para atingir seu pico e que através de seus olhos penetrantes e audição aguçada, acompanhara o comportamento de cada um dos competidores. Afirmou que viu o exato momento em que o primeiro leão, ao se sentir exausto, disse para si mesmo: montanha, você me venceu, o mesmo ocorrendo com o segundo leão. Continuou sua explanação e fez questão de enfatizar que, ficou bastante sensibilizada quando o terceiro leão, mesmo minado de sua resistência física e psíquica, declarou: montanha, desta vez, você me venceu, mas não se esqueça de que ainda estou crescendo, que certamente irei me fortalecer para vencê-la um dia, enquanto que você continuará sendo a mesma, porque já atingiu seu tamanho final. Foi então que afirmou que o terceiro leão é quem deveria ser eleito líder¸ tendo em vista a atitude que havia apresentado, pois não se conformou e nem aceitou como definitiva a derrota obtida naquela data, tendo considerado-a como temporária e passível de ser superada. Todos os animais concordaram com suas ponderações e, acataram a sugestão que lhes foi dada, pois perceberam que havia alguém ali determinado, que acreditava em suas potencialidades e que, certamente, saberia muito bem orientar seus companheiros e dirigir a comunidade de modo eficaz Perceba você, caro leitor, que desta parábola podem ser extraídos importantes ensinamentos e grandiosas lições de vida. Comece pela análise de si mesmo verificando as atitudes tomadas pelos diferentes leões e com qual delas mais se identifica e como costuma reagir quando se vê defrontado com determinado obstáculo (seja ele de menor ou maior intensidade). Isso é muito relevante para que possa perceber seu grau de auto-estima, sua autoconfiança e qual a compreensão que tem sobre sua capacidade de superar problemas, tendo em vista que estes, certamente, sempre irão surgir no decorrer de sua existência. Esta capacidade é determinante para que eles sejam ultrapassados, lembrando sempre que conflitos mal resolvidos costumam permanecer atrelados ao indivíduo por tempo indeterminado ou até mesmo, por toda sua vida, distorcendo sua personalidade. 

Desconheço autor